K-Pop

Se têm vivido debaixo de uma pedra tenho uma novidade para vocês: a música pop coreana, k-pop, é extremamente popular. Apesar de se chamar k-pop nem toda a música produzida na coreia é exatamente pop. O termo “pop” aparece como abreviatura de “popular” uma vez que existem vários géneros musicais desde rock, hip-hop, r&b, electrónica ou mesmo metal. Comummente, são utilizadas expressões em inglês de forma a abranger o alvo mundial.

12670055_1045209805501349_3573655643517258432_n
O k-Pop começou por ser popular em países asiáticos como o Japão e a China, apelando à camada adolescente da população, porém, graças à internet o fenómeno rapidamente se espalhou pelo ocidente. O cantor PSY teve um grande papel nesta conquista mundial do K-Pop com o seu hit Gangnam Style. Também é preciso mencionar que a comunidade de fãns de K-Pop é bastante intensa na forma como divulga a sua banda ou cantor preferido. Os fans mais obcecados e que transpõem a via do socialmente aceitável são chamados de sasaeng – o que nós denominaríamos de stalkers. Digamos que se o Elvis ou os Beatles fossem coreanos metade dos seus seguidores durante os anos 60 seriam sasaeng.

psy-gangnam-style-1
Existe uma peculiaridade no K-Pop que é vista com maus olhos pelos costumes ocidentais. A grande maioria das bandas de coreanas são recrutadas por grandes companhias musicais que lançam os artistas para o estrelato depois de anos de treino intenso. Os artistas são treinados em canto, dança, representação e orquestrados por um grupo de pessoas. O “produto” final apresentado aos consumidores é alvo de um rigoroso estudo e foi cuidadosamente montado para obter as reações esperadas por parte dos fãns. Aqui, no ocidente, é dado mais valor a um músico que triunfa sozinho na indústria da música no entanto, na Coreia este processo não é visto com maus olhos, muito pelo contrário, as pessoas mal podem esperar para conhecer o próximo grupo ou artista lançado por uma das grandes companhias.
Dito isto, todos os membros de uma banda K-Pop são como ninjas, possuem uma mestria quase sobre-humana sobre todos os aspetos adjacentes à música. Assim o K-Pop abrange várias vertentes como dança, nunca esquecendo o forte componente de moda o que disponibiliza um espetáculo visual tanto em concertos ao vivo como nos vídeo-clips.

e5d5c01440fe2d07a2d5bc673016d713
O K-Pop também veio revolucionar as coisas a nível social. A representatividade asiática nos media aumentou, o país é publicitado de uma maneira especial dando a conhecer uma nova cultura através da música. Os ideais de beleza estão a mudar bidireccionalmente, especialmente a visão sobre a sexualidade nos países asiáticos. I dare you irem ver um vídeo de K-Pop e dizerem que aquelas pessoas não são sexys.Obviamente que nesta troca simbiótica muitos dos estereótipos de beleza ocidental são perpetuados (como olhos grandes) levando a grandes movimentos de cirurgia plástica (especialmente nos grupos femininos), mas isso já são histórias para outros dias.

tumblr_m5ta5ddTBu1ryy880o1_500
Aconselho a quem não conhece fazer um esforço, manter a mente aberta e ir aprender um bocadinho sobre esta onda que é o K-Pop. Há uma grande probabilidade de gostarem de alguma coisa porque isto enrola-se na alma como se fossem algas (mesmo quando o gosto musical, como no meu caso, não tem nada a ver).
Deixo-vos aqui algumas das minhas bandas preferidas, é só copiar e colar no youtube.

  • BigBang    (T.O.P. yaaasss)
  • Got7
  • TBS
  • RedVelvet
  • 2NE1
  • EXO
  • Girl’s Generation
  • F(X)
  • Sistar

Para mim é isto que o K-Pop é, e falo como uma iniciada no assunto, uma experiência visual e auditiva que merece o seu reconhecimento.

e6a39474009866e57e04b57e899518ea

Anúncios