Maquilhagem/Makeup: IT’S A TRAP

Num belo dia de fevereiro (em que fazia vento e chovia torrencialmente), entrei numa loja de perfumes e cosmética. Vamos chamar a esta loja Fragrâncias e Coisas. Ao deambular pela secção de maquilhagem da loja sou intercetada por uma funcionária descida dos céus pronta para espalhar a boa nova. Vamos constatar o facto de eu, naquele dia, não estar maquilhada. Chegando-se até mim como um anjo da salvação, olha para mim e diz: “É fascinada por maquilhagem? Precisa de AJUDA?”

IMG_20160218_173007
Ora bem, primeiro entrei num paradoxo filosofal, perguntando-me internamente se EU sou fascinada por maquilhagem. Recentemente decidi iniciar a minha busca por mais conhecimentos sobre maquilhagem. Foi uma viagem exaustiva mas numa noite fiquei a saber as diferenças entre 30 pincéis iguais, quais as melhores marcas para batons mate e como fazer um smoky eye em todas as cores possíveis e imaginárias. Gosto de imaginar que a minha entrada no mundo da maquilhagem foi durante a madrugada enquanto clicava compulsivamente em sites de cosmética, curvada sobre o computador que apenas iluminava a minha cara maníaca cheia de tiques nervosos. Quando acordei ao outro dia era uma pessoa mudada, no entanto sempre com um vazio, de que os meus conhecimentos sobre pinturas faciais nunca fossem suficientes.
Voltando à história da senhora da loja, o facto de ela considerar que a minha cara nua precisava seriamente de ajuda deixou-me abalada. Ela era um mestre jedi e eu era o seu padawan frustrado.

PhotoGrid_1455817059921
De facto se calhar ainda preciso de ajuda, é difícil acompanhar a evolução darwiniana da maquilhagem: creme, primer, base,corrector, pó fixador, bronzer, blush, iluminador. Ainda é mais complicado quando esta aprendizagem é feita em sentido inverso. Quando comecei a usar maquilhagem aos 14-ish anos só usava base e eyeliner (azul com brilhantes, claro), depois começa-se a usar um cat eye e batom vermelho. Ok, podia ter ficado por aqui mas depois é preciso esfoliante e hidratante para os lábios ohhh mas com delineador fica melhor. As sombras então são um poço sem fundo. Não experimentem com sombras crianças, entre 5 tons parecidos vocês vão achar que precisam de todos, com e sem brilhantes.
Assim, respondendo à senhora da fascinação da maquilhagem: sim preciso de AJUDA mas é para parar o comboio da maquilhagem, não é para entrar nele.
Conclusão: a maquilhagem é composta 57% de cocaína porque nunca na história da humanidade se ouviu a frase “Já tenho maquilhagem que chegue”.

.. ..

 

 

—————————————————-

It was a beautiful February day (it was windy and pouring), I entered a perfume and cosmetics shop. Walking around the store I’m stopped by an employee that came from the skies ready to talk about the lord and savior. Let’s just say that I didn’t had any makeup on that day. She approached me like a salvation angel, looks at me and says: “ Are you fascinated by makeup? Do you need HELP?”

IMG_20160218_173007
Well, fist of all I entered a philosophic paradox, asking myself if I AM fascinated by makeup. Recently, I decided to begin my journey for more makeup knowledge. It was an intense journey but in one night I learnt about the differences on 30 equal brushes, what are the best brands for matte lipstick, and how to make a smoky eye in all the colours you can imagine. I like to imagine that my entrance in the makeup world was during the night while I clicked compulsively on cosmetic’s websites, curved over my laptop that illuminated only my maniac, full of twitches face. When I woke up next day, I was a changed person, but a feeling of emptiness was lingering on, that maybe, my knowledge about facial painting would never be enough.
Going back to the story of the lady in the store, the fact that she thought that my bare face needed urgent help shook me up. She was a jedi master and I was her young, frustrated padawan.

PhotoGrid_1455817059921
Maybe I do still need help, it’s hard to keep up the darwanian evolution of makeup: moisturizer, primer, foundation, concealer, fixing powder, bronzer, blush, illuminator. This is even harder when this is learnt the other way around. When I started to use makeup at 14-ish I only used foundation and eyeliner (blue with glitter, of course), then you star wearing a cat eye and red lipstick. Ok, that’s fine, you could have stopped here but then you need exfoliating and moisturizing for your lips ohhhh but it looks better with a lip liner. Eyeshadows are a bottomless pit. Do not mess around with eyeshadows children, between 5 similar tons you are going to think you need them all, with and without shimmer.
So, answering the makeup lady: yes I do need HELP but it’s to stop the makeup train, not to get on it.
In conclusion: makeup is composed by 57% of cocaine because never in the human history you heard the phrase “I have enough makeup”.

.. ..